Personagens | Carlos Oliveira

Ano de nascimento: 1977 (não confirmado)
Tipo sanguíneo: O
Altura: 1,82cm
Peso: 83kg

Aparições em títulos da série:

Biohazard 3: The Last Escape / Resident Evil 3: Nemesis (1999)
Biohazard / Resident Evil: The Umbrella Chronicles (2007)
Biohazard / Resident Evil: Operation Raccoon City (2012)


Biografia e Participação na Série:

O soldado mercenário Carlos Oliveira guarda um passado de lutas: antes de se tornar cabo do Serviço de Contenção Biológica da Umbrella, a U.B.C.S., ele era membro de uma guerrilha antigovernamental na América do Sul. Depois de sua equipe ser desmantelada por forças do governo local, Carlos ingressou na Corporação Umbrella como coordenador de mercenários, e posteriormente acabou entrando para a U.B.C.S., onde se tornou membro da Equipe Delta.

No fim de Setembro de 1998, a U.B.C.S. é despachada a Raccoon. Para soldados como Carlos, o objetivo fornecido era o de resgatar os civis sobreviventes da epidemia viral que assolara a cidade, mas a verdade era que a Umbrella pretendia coletar dados de batalha das armas biológicas espalhadas pela cidade, colocando até mesmo os mercenários de sua equipe de contenção à prova. O número de zumbis era muito maior do que o de soldados, e a maioria dos membros da U.B.C.S. morreu. Pedir ajuda era inútil: as solicitações de extração dos sobreviventes e feridos eram ignoradas pela companhia. Carlos se viu em mais do que uma zona de guerra, em um pesadelo sem fim. O que lhe restava era se unir aos poucos soldados que restavam para lutar até o fim por sua sobrevivência. O local escolhido para se refugiarem foi o bonde da cidade, onde Carlos e os comandantes de sua equipe Nicholai Ginovaef e Mikhail Victor se esconderam enquanto pensavam em uma solução para fugir daquele caos. Porém, o jovem cabo ainda acreditava em sua missão de resgatar os civis da cidade.

Carlos logo conhece Jill Valentine, a ex-S.T.A.R.S. também em busca de um meio de deixar Raccoon, sendo perseguida pela B.O.W. Nemesis. Ele a ajuda a fugir do Nemesis e conta a ela a sua identidade e as ordens que lhe foram dadas, mas Jill sabe que a Umbrella não tem compaixão ou qualquer tipo de sentimento humanitário para enviar uma equipe unicamente para ajudar os sobreviventes de um inferno que ela mesma criara, e se questiona se pode confiar no jovem rapaz, que, por sua vez, afirma que é apenas um mercenário e está seguindo as ordens que recebera. A discussão é interrompida mais uma vez pelo urro de Nemesis, anunciando sua chegada, mas Carlos sugere que ela se una a ele e aos seus companheiros no bonde, se quiser lutar por uma chance de sobrevivência. Jill acaba cedendo e segue para o local combinado, onde traça um plano para religar o bonde e partir de uma vez por todas.

Quando o bonde finalmente está operacional novamente, Jill e Carlos dão a partida e a máquina começa a se mover. O que não podiam imaginar era que Nemesis estivesse na cabine de trás, onde estava Mikhail, que o enfrenta e explode a cabine toda com uma granada, sacrificando sua vida para salvar os dois jovens. O bonde descarrila e colide violentamente contra o muro da Torre do Relógio (Clock Tower) St. Michael, o local marcado como ponto de extração da U.B.C.S.. Mesmo depois da explosão que custara a vida de Mikhail, Nemesis ainda estava vivo e os havia seguido até lá. Jill e Carlos conseguem tocar o sino da torre, sinal combinado para que o helicóptero de resgate fosse buscá-los, mas Nemesis, com um lança-foguetes, derruba o helicóptero que os salvaria. Durante uma batalha contra a criatura, Jill é infectada com o T-Virus e cabe a Carlos encontrar uma cura. A ex-policial permanece desacordada por um bom tempo, despertando na madrugada do dia 1º de Outubro.

Carlos decide ir até o Hospital de Raccoon, próximo de onde estavam, em busca da cura para Jill. Lá, ele reencontra Nicholai, que ele acreditava haver morrido em uma explosão, enquanto buscavam pelas peças necessárias para fazer o bondinho funcionar. Tudo não passava de um plano de Nicholai, que forjou a própria morte para que pudesse agir à vontade contra os demais sobreviventes da U.B.C.S. e os sacrificando para ser o único a sair com vida e receber uma boa recompensa da Umbrella. Nicholai não era apenas um comandante de pelotão, mas um supervisor da Umbrella, encarregado de coletar os dados de batalha das armas biológicas espalhadas pela cidade. Carlos reencontra Nicholai quando ameaçava outro membro da U.B.C.S. e também supervisor da Umbrella, Tyrell Patrick, depois de baleá-lo mortalmente. Tyrell, porém, antes de morrer, explode a sala com uma granada, mas Nicholai salta pela janela antes de ser atingido pela explosão. O jovem soldado sabe que está correndo perigo e consegue uma vacina para Jill, deixando o hospital imediatamente antes que uma bomba, montada por Nicholai, faça o prédio ir pelos ares. Carlos sai a tempo de ver o hospital explodindo e seus destroços se espalhando por todos os lados, e corre para salvar Jill da infecção do vírus antes que fosse tarde demais.

Após administrar a vacina em Jill, na capela da Torre do Relógio, eles se separam novamente, reencontrando-se em uma antiga usina de tratamento de água. A dupla fica sabendo que o governo americano decidiu esterilizar a cidade de Raccoon, com um ataque nuclear ao amanhecer. Eles tinham pouco tempo para deixar a cidade, e Nicholai ainda foge no último helicóptero de resgate. Depois de uma última discussão com Nicholai, antes de sua partida, na sala de controle da usina, eles ouvem uma transmissão de alguém em busca de Jill. Nemesis, depois de sofrer diversas mutações, é finalmente morto por Jill, e Carlos a aguarda do lado de fora da usina, onde um helicóptero pilotado pelo também ex-S.T.A.R.S. Barry Burton os aguarda, para retirá-los da cidade pouco antes de Raccoon ser varrida do mapa.

O paradeiro de Carlos, desde os eventos vividos em Raccoon ao lado de Jill, é desconhecido.