George Trevor

George Trevor
 
A
no de nascimento: desconhecido.
T
ipo sanguíneo: desconhecido.
A
ltura: desconhecido.
P
eso: desconhecido.

 

Aparições em títulos da série:

Biohazard / Resident Evil (2002) – Gamecube/Wii [Remake do game de 1996]

 

 

 

 


 

Menções em Files:

 

Diário de Trevor – Resident Evil Rebirth
Foto de Família e Anotações – Resident Evil Rebirth
Notas sobre a “Mansão” Complexo de Pesquisas Arklay – Resident Evil The Umbrella Chronicles
Uma Carta para Alguém – Resident Evil The Umbrella Chronicles
Foto de Família – Resident Evil The Umbrella Chronicles
Notas sobre a Família Trevor – Resident Evil The Umbrella Chronicles

 


  

Biografia e Participação na Série:

 

George é um renomado arquiteto que veio de Nova York, a pedido do aristocrata Lorde Ozwell E. Spencer, para a construção de uma belíssima mansão em meio à densa floresta da cidade de Raccoon. Por se tratar de um projeto ambicioso, não havia melhor escolha, e por isso Trevor foi escolhido para a criação e supervisão da "Mansão Spencer", na década de 1960.
 
Infelizmente, George se deixou levar pela magnitude do projeto, o que o fez se envolver demais em todo o processo. Spencer, então, decidido a criar uma armadilha para Trevor, convida-o com toda a sua família para vir a um jantar em comemoração à inauguração da belíssima propriedade. Por motivos profissionais, ele mandou primeiro sua esposa e filha, Jessica Trevor e Lisa, podendo ir apenas alguns dias depois. Porém, para sua surpresa, ao chegar a Raccoon, as duas não estavam na mansão. Spencer deu a desculpa de que haviam ido cuidar de uma tia doente, mas que voltariam em alguns dias. A verdade é que, assim como George, elas também foram vítimas do sadismo de Spencer, que as utilizou como cobaias nas experiências com as primeiras versões do vírus Progenitor.
 
O arquiteto foi aprisionado em um certo lugar na mansão e permaneceu ali por dias, definhando, enquanto tentava, de todas as maneiras, encontrar uma maneira de fugir. Ele temia pela segurança de sua família e, ao encontrar um sapato de Jessica caído no chão, logo imaginou que elas também estavam sofrendo ou poderiam até estar mortas. Finalmente, dias depois, ele encontra uma lápide com o seu nome em uma parte da mansão, e entendendo que não havia como sair daquele lugar, ele sabia que acabaria morrendo por inanição. Com o êxito na administração do vírus experimental em sua filha Lisa, o uso do arquiteto como cobaia foi descartado.
 
É importante apontar que, além da construção da mansão Spencer, George também foi o responsável pelo projeto da mansão particular na base da Antártida, pertencente à família Ashford e idealizada por Alexander Ashford no início da década de 70. Trevor também foi o responsável pela criação dos navios de cruzeiros de luxo da Linha Paraguas: Queen Zenobia, Semiramis e Dido.