Linha do Tempo | 1981 a 1990

1981

1981 – Ano de nascimento de Steve Burnside.

27 de Julho de 1981 – Alexia 1 (Wesker’s Report II)
(…) Hoje, uma garota de 10 anos de idade foi mandada para cá, como pesquisadora-chefe, do Complexo de Pesquisas da Umbrella na Antártida. Seu nome era Alexia Ashford. (…)

27 de Julho de 1981 – Graduação universitária e nomeação de Alexia como Pesquisadora-Chefe na Umbrella. (RECV, WRII)
Uma gênia de 10 anos de idade formou-se, como primeira aluna da classe, em uma prestigiosa universidade. A corporação internacional, Produtos Químicos Umbrella Inc., ofereceu-lhe a posição de pesquisadora-chefe.
(Recorte de Jornal / Resident Evil CODE: Veronica)


1982

30 de Janeiro de 1982* – Diário de Alfred (RECV)
Há uma porta trancada no corredor localizado na base da Antártida. Não sei o que está escondido lá, mas não sei como entrar.
Eu posso usar as três jóias que cada um de nossos três membros usa como prova de sermos descendentes legítimos da família Ashford. O único problema é que eu não sei como vou pegar a joia do meu pai.

17 de Fevereiro de 1982* – Diário de Alfred (RECV)
Finalmente consegui entrar na sala trancada. Nunca podia imaginar que um segredo tão insano existisse, em relação ao meu nascimento e de Alexia…
Odeio meu pai. Aquele idiota, Alexander… Agora é óbvio que fomos simplesmente criados numa tentativa de cobrir o erro estúpido de meu pai. Nunca poderei confiar nele de novo. Devo recuperar a glória da família Ashford com minha irmã.
Não tenho nada a temer, enquanto Alexia estiver comigo.

3 de Março de 1982 – Morte de Alexander Ashford, usado como cobaia do T-Veronica.

3 de Março de 1982* – Diário de Alfred (RECV)
Alexia efetuou o experimento no corpo humano da qual andávamos falando a respeito. Nosso pai inútil deve estar feliz agora, já que poderá finalmente contribuir para a família Ashford. A única coisa da qual devemos tomar precaução é de que o mordomo, Harman, não pode saber de nossas atividades.

Alexia & Alfred Ashford
Os gêmeos Alexia e Alfred Ashford

Março/Abril de 1982 – Alfred é nomeado o 7º chefe da Família Ashford. (RECV)
Senhor Alfred,
Parabéns pela sua sucessão como chefe da família Ashford. Eu, por meio desta, o presenteio com um vaso de louça, conforme a tradição da família Ashford.
Como deve saber, esta tradição começou quando um mordomo presenteou Veronica, como uma comemoração, com uma xícara dourada. Como fundadora da família Ashford, sua inteligência e beleza são lendárias. O segundo e terceiro chefes, Stanley e seu filho, Thomas, também foram presenteados com xícaras iguais. A esperança deles era alcançar glória, como Veronica fez antes. A posição de chefe da família passou, então, do Sr. Thomas para seu irmão gêmeo, Sr. Arthur. Foi, então, para o Sr. Edward, seu avô. Foi quando a família Ashford desfrutou do período de ouro.
Foi também a proeza do Sr. Edward que fundou a grande empresa de produtos químicos, a Umbrella Inc. Contudo, quando o Sr. Edward faleceu, e seu pai, Sr. Alexander, tomou a posição, a gloriosa família Ashford gradualmente começou a afundar… Sinceramente, espero que a família Ashford recupere sua glória com sua condução, assim como que este vaso continue a brilhar eternamente.
Scott Harman, Mordomo da Família Ashford.
(Mensagem para o Novo Chefe da Família / Resident Evil CODE: Veronica)

22 de Abril de 1982* – Diário de Alfred (RECV)
O experimento falhou. Nosso pai foi inútil, no fim de tudo. Pior ainda, ele se tornou um monstro perigoso que está completamente fora de controle.
Nós o amarramos e o trancamos numa cela de prisão no subsolo. No entanto, Alexia parece estar perto de uma solução. Além de todas minhas expectativas, ela agora diz que deseja conduzir o experimento em seu próprio corpo.
Além disso, ela acha que terá que ficar adormecida por 15 anos, para poder concluir o experimento. Graças àquele idiota, não poderei ver minha querida irmã por 15 anos.
Alexia vai dormir, com toda sua confiança sobre mim. Agora, eu sou o único que pode proteger Alexia.

Abril de 1982 – Relatório da Formiga Rainha (RECV)
Após descobrir vestígios de um antigo vírus dentro dos genes de uma formiga rainha, tenho me concentrado na pesquisa de formigas. O ecossistema das formigas parece realmente ideal pra mim. Há uma formiga rainha em cada formigueiro, e as formigas guerreiras e as trabalhadoras são escravas da rainha. Elas dedicam sua vida à rainha.
A morte da formiga rainha significa o destino do formigueiro todo. Contudo, as formigas guerreiras e as trabalhadoras podem ser facilmente substituídas enquanto a formiga rainha estiver viva. É exatamente o mesmo relacionamento entre mim e as outras massas ignorantes. Eu consegui criar um vírus ideal, ao implantar o gene da formiga rainha no vírus-mãe que Spencer descobriu. Usei meu inútil pai como teste da tese. No entanto, como eu esperava, o vírus causou uma rápida mudança em suas células, causando a completa destruição das células de seu cérebro e da carne do seu corpo. Além disso, um tipo especial de gás venenoso foi gerado em seu corpo, que nem a erva azul tem efeito contra. Por causa disso, criei um antídoto em caso de emergência, e o guardei no depósito de armas/produtos químicos do porão.
Decidi nomear este vírus com inimaginável potencial de “T-Veronica”. Quando descobrir como posso utilizar completamente o poder desse vírus maravilhoso, minha grande pesquisa estará finalmente completa.

T-Veronica Virus
Vírus T-Veronica, desenvolvido por Alexia Ashford

1983

Dezembro* de 1983 – Relatório de Pesquisa do Vírus (RECV)
O trabalho continua no vírus “T-Veronica”, que extrai de uma formiga rainha. Quanto mais eu o pesquiso, mais impressionada fico com o potencial que ele tem. Finalmente implantei o vírus em meu corpo, e descobri como utilizar completamente seu poder. Evitarei cometer o erro que cometi com meu pai. Vou reter a atividade do vírus a uma temperatura ultra baixa, assim minhas células se alterarão vagarosamente. Meus cálculos indicam que levará 15 anos até que meu corpo ganhe imunidade, e torne-se capaz de coexistir com o vírus. Até lá, não tenho outra escolha a não ser confiar a cápsula em que estarei àquela formiga guerreira inepta porém leal que é meu irmão. Quando eu despertar, serei a rainha… E o vírus “T-Veronica” será espalhado pelo mundo todo por meus descendentes. Toda e qualquer criatura na Terra existirá para servir a mim. A partir de então, o mundo alcançará o perfeito ecossistema, assim como um formigueiro, mas em maior escala.
Alexia Ashford

31 de Dezembro de 1983 – Alexia 2 (Wesker’s Report II)

31 de Dezembro de 1983 – “Morte” de Alexia por acidente viral. (RECV, WRII)
(…) O que começou tudo isso foi um relatório que recebemos naquela manhã. A Alexia da Antártida havia morrido. A causa de sua morte era que ela acidentalmente se infectara com um vírus que ela mesma estava pesquisando. Era chamado de “Vírus T-Veronica”. Alexia tinha 12 anos. Parece que ela era jovem demais para conduzir experimentos tão perigosos. Havia muitos rumores a serem ouvidos. Um em particular sugeria que ela mesma havia injetado o “T-Veronica” em seu próprio corpo. Mas não importam as circunstâncias, eu acho essa “teoria em particular” nada plausível. Provavelmente ela estava tão chocada com o desaparecimento de seu pai um ano antes que cometeu um erro no experimento. (…)


1984

1984* – Ano de nascimento de Ashley Graham.
1984 – Ano de fundação da filial japonesa da Umbrella, situada em Tóquio. (BSAA Desktop)


1985

1985* – Ano de nascimento de Sheva Alomar.


1986

1986 – Ano de nascimento de Sherry Birkin.


1987

1987 – Michael Warren se torna prefeito de Raccoon City.
1987 – Início da construção do laboratório da Umbrella no Japão. (BSAA Desktop)

G-Virus
G-Virus, desenvolvido por William Birkin

1988

1988 – Ano da morte de James Marcus e do fechamento do Complexo de Treinamento. (RE0)
1988 – Ano da descoberta do G-Virus por William Birkin. (Wesker’s Report II)

1988 – Ano de início da criação da B.O.W. “Tyrant”. (Wesker’s Report II)
(…) E então, depois de 10 longos anos, nossa pesquisa finalmente atingiu o terceiro estágio. Criar uma arma biológica viva que fosse um soldado que seguisse ordens estritas, obedecesse à programação, e tivesse inteligência. Foi o então chamado “Tyrant” (Tirano), basicamente um monstro, que começamos a criar. (…)

1988 – Terceiro estágio do “Plano Nemesis” na Europa. (Wesker’s Report II)
(…) Naquele momento, ouvi um boato de outro local na Europa onde já haviam chegado ao “terceiro estágio” da produção de armas biológicas vivas usando um método na qual ninguém havia pensado. Era chamado de “Plano Nemesis”. Para mudar o estagnado ritmo e as condições de trabalho, eu me adiantei em adquirir uma amostra de um dos indivíduos daquele “plano”. (…)

1988 – Ano da chegada do Protótipo Nemesis em Arklay. (Wesker’s Report II)
O “pacote” da Europa chegou à meia-noite, vários dias depois, depois de uma série de contatos, propostas e contrapropostas. A caixa que continha “ele” pousou no heliporto. Estava escrito “Protótipo Nemesis” nela. Eu tive que usar táticas muito fortes para conseguir a “coisa” incompleta onde estava sendo pesquisada na França, mas durante todo o tempo, Spencer estava me dando cobertura, mexendo seus pauzinhos e usando sua influência. Apenas Birkin não demonstrou interesse “nele” até o fim. Mas pelo menos o reconheceu como uma parte importante do experimento.
A amostra fora desenvolvida para criar uma “forma” totalmente nova, nunca vista antes. Ao manipular genes, eles haviam artificialmente criado um “parasita vivo”.
Era isso que o “Nemesis” realmente era.

01 de Julho de 1988 – NEMESIS (Wesker’s Report II)

19 de Julho de 1988 – Diário do Velho (Resident Evil Revelations 2)
Preciso praticar redação, por isso escrevo nesse diário todo dia. Todo dia escrevo, mas não tenho palavras. Agora tenho bom motivo. Hoje recebo primeira criança no mundo. A mãe deu nome de Irina. Era o nome da minha avó. Eu não gostar, mas não pode discutir com mulher teimosa. Ela tem olhos e nariz do pai. Mas boca da mãe. Nós a criaremos para ser garota saudável e forte. Esse ano ilha ter bons espíritos de novo. Negócio de mineração ir bem. Minha vida está boa agora. Quero dar a Irina mesma sensação quando ela crescer. É minha responsabilidade agora, como pai.


1989

Abril de 1989 – Antigo Panfleto (Outbreak 2 – Underbelly)
Trilho Irmãos Kite (KBS), Panfleto-Guia, Abril de 1989: 20 anos se passaram desde que a linha foi aberta aqui na cidade de Raccoon, em 1969. Naquela época, ficamos muito satisfeitos com os patrocínios e apoios de todos os cidadãos de Raccoon. Quando os irmãos Kite começaram esta linha, ela percorria apenas uma milha e tinha três paradas. Graças a recuperação econômica da cidade pela Corporação Umbrella, ela agora tem 8 estações e percorre 8,5 milhas. O progresso continua em nossa companhia enquanto continuamos fornecendo o excelente serviço que nossos passageiros merecem. Por favor, aceite o maior agradecimento de coração.