Tradução | Entrevista com Produtor de Project Resistance

2

NOTA: Alguns trechos que consideramos importantes foram sublinhados.
Entrevista original (em inglês): Playstation.Blog

Playstation.Blog: Como o Project Resistance nasceu e qual foi a ideia por trás?

Masachika Kawata: Ao criar os jogos de Resident Evil, pensamos sobre o prazer em colocar zumbis em um lugar e ver como isto assusta os jogadores. Fazer os jogadores se assustarem com um bom jogo é sempre prazeroso para nós e queríamos que os jogadores tivessem a mesma experiência que nós ao lhes dar a chance de adicionar zumbis ou armadilhas em cenários. Esta ideia foi o que deu início ao Project Resistance.

Ao combinar a experiência cooperativa que força os jogadores a encarar armadilhas em um ambiente em grupo na atmosfera e com os elementos de Resident Evil, achamos que podíamos criar uma experiência de jogo interessante.

PSB: Este jogo era planejado para ser um jogo online desde o começo?

MK: A versão que mostramos na TGS 2019 era um modo online, mas estamos totalmente cientes de que há muitos fãs que esperam pela história no jogo. Para tentar satisfazer nossos fãs, teremos um modo offline focado no componente de narrativa.

PSB: Co-op em quatro jogadores nos traz lembranças de Resident Evil Outbreak. Este é um remake deles?

MK: Alguns jogadores pensam neste novo jogo como um remake [dos Outbreaks], mas não é verdade. Os sobreviventes sendo cidadãos normais é algo em que nos inspiramos do Resident Evil Outbreak. No entanto, a existência do Mastermind (Vilão) é uma grande diferença em relação ao Outbreak e estamos desenvolvendo este jogo de forma diferente.

PSB: Que tipo de personagem é o Mastermind?

MK: Para simplificar, o Mastermind funciona para a Umbrella raptando cidadãos. Estas cobaias humanas são forçadas a enfrentar zumbis para as pesquisas de desenvolvimento dos vírus. Na TGS 2019, só foi possível jogar com Daniel como Mastermind, mas haverá muitas variações do Mastermind. A mesma coisa para os sobreviventes, e há mais sobreviventes com habilidades e aparência únicas que estamos planejando incluir no jogo.

PSB: Tivemos a impressão depois de jogar de que o Mastermind era muito forte, especialmente o Tyrant. Ele não pode ser derrotado?

MK: Quando você inclui o Tyrant, muitos jogadores novatos acham que o Mastermind é muito forte. Contudo, depois que os jogadores se acostumam com o mapa, não fica nada fácil para o Mastermind. Uma estratégia simples, como colocar zumbis e armadilhas onde os sobreviventes se reúnem, não terá muito efeito em jogadores que trabalham com eficiência. Além disso, as habilidades têm grande impacto quando usadas corretamente.

PSB: As habilidades da January eram difíceis de lidar jogando com o Mastermind. Os jogadores estão bem equilibrados?

MK: De certa forma, as habilidades da January podem atacar o Mastermind diretamente. Há muitas habilidades que os sobreviventes têm que afetam o Mastermind, então se os quatro jogadores decidirem usá-las de forma efetiva, conseguirão ficar em vantagem. Além do mais, haverá um sistema de nivelamento para os sobreviventes durante o jogo, e vamos tentar deixar os dois lados bem equilibrados.

PSB: Qual a forma mais efetiva para o Mastermind enfrentar os quatro sobreviventes?

MK: Existem várias táticas para o Mastermind enfrentar os sobreviventes. Por exemplo, não é algo imbatível, mas trancar as portas para separar os sobreviventes é uma boa forma de enfrentá-los. Ao observar um bom jogador como Mastermind, notei que eles usam a habilidade de controlar zumbis.

Bons jogadores tendem a se esconder em um canto e esperar pelo momento certo, então, quando os sobreviventes estão se sentindo seguros, eles atacam pelas costas e causam bastante dano. Pensar como os desenvolvedores de Resident Evil ao escolher onde colocar zumbis provavelmente seja uma boa ideia. Ao implementar estes tipos de ataques, os sobreviventes ficarão mais cautelosos com os cantos, e veremos batalhas mais com cara de Resident Evil acontecendo no jogo.

PSB: Parece que estão se esforçando muito para tentar equilibrar o jogo. Tem mais alguma coisa que vocês estão planejando?

MK: Nós chamamos o jogo de assimétrico, mas acho que deveria ser um jogo que todos possam curtir. Com os dois lados lutando, sempre ouvimos os jogadores dizendo, “Ah não, faltava pouco!” ou “Oba, consegui!” até o final. É claro que planejamos deixar o jogo difícil para os dois lados, mas conforme vamos desenvolvendo, planejamos adicionar mais coisas que permitam que todos curtam o jogo, ganhando ou não.

PSB: Por último, gostaria de dizer algo para as pessoas que estão lendo o Playstation.Blog?

MK: Project Resistance ainda está em desenvolvimento e não podemos contar todos os detalhes, mas eu gostaria que todos experimentassem. Acreditamos ter dado um gostinho de Resident Evil ao fazer os jogadores experimentarem a superação de desafios inesperados através da cooperação. Por favor, participem do beta fechado e espero que fiquem empolgados para o lançamento.

COMPARTILHAR
  • Na expectativa sobre o game!!!! valeu galera!!!!

  • Só quero ver esse modo história, por favor capcom não deixar a história mais enrolada. 🙏 ex: Resident Evil 2 reimaginado