Tradução | Entrevista com Hirabayashi e Anpo sobre os 20 anos da série (YouTube)

0

Olá, fãs de Resident Evil! Eu sou Yoshiaki “H” Hirabayashi, produtor na Capcom. Meu trabalho mais recente foi a remasterização em HD de Resident Evil. Eu trabalhei em diversos títulos da série Resident Evil desde que entrei na empresa, começando com o remake de Resident Evil no GameCube.
Meu nome é Anpo e sou um diretor aqui na Capcom. Fui programador em Resident Evil 1 e 2, diretor de Resident Evil 5 e também dirigi Resident Evil Revelations 2.


Memórias sobre Resident Evil 5

HIRABAYASHI: Memórias?
ANPO: Do que eu mais me lembro é de como você era exigente.
HIRABAYASHI: Peraí, suas memórias são sobre mim?
ANPO: Sim, você era tão específico sobre as cutscenes. Isso não era seu grande foco?
HIRABAYASHI: É verdade. O produtor estabeleceu um padrão de qualidade bem alto para nós. Ele propôs que nós formássemos a nosso primeira equipe internacional, então pensei que ele fosse cuidar disso, mas eu é que tive que formar a equipe do zero.
ANPO: Isso foi algo sem precedentes.
HIRABAYASHI: Foi nosso primeiro projeto envolvendo co-op, né?
ANPO: Sim, foi isso mesmo. Co-op foi algo bem difícil, hein?
HIRABAYASHI: Por que?
ANPO: Não tínhamos precedente de um RE online…
HIRABAYASHI: É verdade.
ANPO: Foi um processo cheio de tentativa e erro.
HIRABAYASHI: Bem, Resident Evil: Outbreak era online. Mas RE5 foi o primeiro em que você jogava junto.
ANPO: Sim, foi o primeiro jogo co-op. Adicionar co-op a um jogo de horror foi difícil. Com o horror, o entretenimento vem em primeiro lugar. Mas nós tentamos, muito habilmente, combinar o horror e o co-op. Eu comparava ao ato de curtir sustos com um amigo numa casa assombrada.
HIRABAYASHI: Lembro que a equipe ficava até tarde jogando outros jogos online e em co-op.
ANPO: Sim, nós “estudamos” esses jogos para referência. Ver com olhos de jogador é importante.
HIRABAYASHI: Sim, pra você saber o que é divertido ou não.


Seu trabalho na série

HIRABAYASHI: A primeira vez em que trabalhamos juntos foi em Resident Evil 5, mas esse não foi o seu primeiro, né?
ANPO: Eu comecei com o primeiro Resident Evil.
HIRABAYASHI: É mesmo? Esse projeto estava se iniciando logo que eu entrei na empresa, então eu entrei para a equipe e trabalhei no jogo durante dois anos. Era uma equipe bem jovem, né?
ANPO: Sim, tinha muitas contratações recentes. Foi difícil conseguir uma sinergia na equipe, mas foi bem divertido. Obviamente, o diretor dá instruções e uma direção a seguir, mas a equipe era toda tão jovem e inexperiente.
ANPO: Não sabíamos quando parar, então nos dedicávamos totalmente a cada pequeno detalhe. Queríamos que cada aspecto tivesse a mais alta qualidade possível, e acho que isso fez com que o jogo fosse elogiado por mostrar o potencial do PS1. Você fez a remasterização, certo?
HIRABAYASHI: Sim.
ANPO: Nós da equipe original de RE achamos o jogo incrível.
HIRABAYASHI: Foi o meu primeiro projeto na Capcom. Fui colocado na equipe do remake do primeiro jogo logo que entrei na empresa. Nunca imaginei que, 12 anos depois que eu fiz aquele jogo como um iniciante, eu seria o produtor da remasterização em HD!
HIRABAYASHI: Os membros veteranos eram tão meticulosos…
ANPO: É realmente um jogo bem feito.
HIRABAYASHI: E é mesmo. Para a remasterização em HD, nós basicamente “desmontamos” o jogo, e quanto mais eu descobria como eles programaram o jogo e criaram os personagens e objetos, mais eu entendia que trabalho brilhante eles fizeram. Foi muito inspirador.
ANPO: A remasterização também atualizou o jogo.
HIRABAYASHI: Sim, os controles e por aí vai.
ANPO: Isso permitiu que o jogo parecesse novo e de alta qualidade mesmo hoje.
HIRABAYASHI: Estar envolvido no processo de decidir o que deveria e o que não deveria mudar foi uma experiência preciosa. Remover até mesmo uma única animação de porta iria tornar o ritmo rápido demais para os jogadores. Discutimos bastante, mas, no fim das contas, concordamos que esse era o ritmo que todos curtiam no jogo original, e acabamos decidindo não mudar isso. Para os controles, no entanto, sabíamos que tínhamos que manter o estilo clássico de “tanque”, mas que também tínhamos que adicionar uma opção mais moderna, então tentamos manter um equilíbrio.
ANPO: É preciso acompanhar os gostos dos jogadores.
HIRABAYASHI: Concordo.


O projeto do remake de Resident Evil 2

HIRABAYASHI: Fiquei tão feliz em ver o remaster HD sendo tão bem recebido. O que você fez depois de trabalhar no primeiro jogo mesmo?
ANPO: Eu segui para Resident Evil 2.
HIRABAYASHI: Ah, sim, você estava na equipe desse.
ANPO: Mas teve algo entre os dois projetos. Eu estava na equipe do hoje lendário e nunca lançado RE 1.5, que foi uma tentativa descartada de fazer RE2.
HIRABAYASHI: Ah, sim, aquele projeto misterioso! Bem, hoje em dia ele é tão conhecido que nem dá pra chamar de “misterioso”. Ele estava basicamente concluído, certo?
ANPO: Sim, já tínhamos feito todos os estágios e tal, mas a qualidade era insuficiente e recomeçamos tudo.
HIRABAYASHI: Foi o produtor quem decidiu na época?
ANPO: Sim, mas graças e essa decisão, Resident Evil 2 foi muito elogiado por todos.
HIRABAYASHI: Eu fui um desses jogadores, quando eu era um estudante!
ANPO: Olhando hoje em retrospecto, tem coisas que gostaria de ter feito melhor. Já faz mais de 15 anos, afinal, então tem coisas que você quer consertar.
HIRABAYASHI: Tem mesmo, né?
ANPO: Sim, tem.
HIRABAYASHI: Então você pode tirar essa culpa dos ombros com o seu novo remake de Resident Evil 2!
ANPO: Eu adoraria! Posso mesmo tentar de novo?
HIRABAYASHI: Sim, o quanto quiser! Ok, essa cena pareceu bem artificial. No mês de agosto passado nós iniciamos o projeto do remake de Resident Evil 2. Estamos trabalhando juntos pela primeira vez desde Resident Evil 5. Tem também uma terceira pessoa, um diretor, que gostaríamos de apresentar em outra oportunidade. Por que não aproveitar esta oportunidade pra compartilhar o seu entusiasmo? É como apresentar alguém novo.
ANPO: Verdade! Como eu trabalhei no original, eu tenho boas lembranças do jogo. O remake do primeiro RE é tão fantástico que eu quero usar essas memórias pra tentar igualá-lo ou até mesmo superá-lo com uma nova e moderna versão de Resident Evil 2.
HIRABAYASHI: Sabemos que simplesmente melhorar os gráficos não é o bastante, então estamos trabalhando duro para fazer um jogo que todos vão amar muito, então, por favor, aguardem!


Uma mensagem para os fãs de Resident Evil

ANPO: Para todos os fãs que nos apoiaram ao longo dos últimos 20 anos. Estamos trabalhando em mais jogos que todos certamente vão amar, então continuem nos apoiando!
HIRABAYASHI: A série agora tem 20 anos de idade, e ela se tornou uma franquia gigante graças aos fãs. Esperamos comemorar muitos outros aniversários com vocês, e vamos continuar fazendo grandes jogos de horror para vocês. Obrigado pelo apoio contínuo!

COMPARTILHAR