Criaturas & B.O.W.s | Brzak

O Brzak é uma arma biológica originada do C-Virus, e considerada uma mutação extrema e completa, ou seja, que passou pela forma de crisálida (casulo). A palavra Brzak vem do sérvio para “veloz”.

Ele foi criado pela pesquisadora Carla Radames, da sociedade secreta A Família, e vive nas catacumbas pertencentes à família de Derek C. Simmons e, por consequência, ao grupo. Lá, Carla também tinha um laboratório, onde fazia as suas pesquisas com o C-Virus. Isto quer dizer que havia muita informação confidencial e de extrema importância, relacionada à Família e às pesquisas virais de Carla, informações estas que deviam ser protegidas e, ocasionalmente, destruídas. Para proteger as informações, as catacumbas eram repletas de armadilhas para impedir o avanço de intrusos. E para destruir, eles tinham o Brzak.

Por ser uma mutação extrema, o Brzak perdeu praticamente todos os seus sentidos auditivos e visuais e, sendo uma criatura marinha, de aparência semelhante a um tubarão, acabou desenvolvimento o sentido do movimento ao seu redor. Qualquer sensação cinética na água faz com que ele simplesmente ataque indiscriminadamente, engolindo sem dificuldade, independentemente do tamanho da presa. Deficiente dos sentidos e sem muita inteligência, A Família passou, então, a usar o Brzak como um “eliminador de lixo”, para destruir provas comprometedoras d’A Família e cobaias dos experimentos com o C-Virus. Como ele ignora coisas que não se movem, porém, os funcionários precisam “cutucar” as coisas, para causar atrito na água e atrair a atenção do monstro.

Os agentes americanos Leon S. Kennedy e Helena Harper adentram as catacumbas através de uma passagem no altar da Catedral de Tall Oaks. Lá, eles encontram a irmã de Helena, Deborah Harper, que estava sendo mantida como refém por Derek, para que Helena ajudasse a abrir a brecha na segurança do presidente americano, Adam Benford. No entanto, quando eles estão fugindo das catacumbas, Deborah sofre uma mutação, pois estava infectada com o C-Virus, e ataca a dupla. A espiã Ada Wong também estava no local e acaba encontrando os agentes, ajudando-os a lidar com Deborah.

O Brzak é uma das últimas ameaças que Leon e Helena enfrentam antes de deixar as catacumbas. Em alguns momentos, Helena precisa atirar na criatura, para afastá-la de Leon, e por fim, não há uma batalha propriamente dita, com o uso de armas, e sim uma sequência chata de botões de ação (QTEs = Quick Time Events).