Produtor revela ideias descartadas para série “No Escuro Absoluto”

0
RESIDENT EVIL: No Escuro Absoluto

Em entrevista ao portal oficial de Resident Evil, o produtor Hiroyuki Kobayashi revelou alguns detalhes sobre a série de animação RESIDENT EVIL: No Escuro Absoluto, lançada no dia 8 de Julho na Netflix.

Kobayashi revelou que outros personagens da franquia, além de Leon S. Kennedy e Claire Redfield, foram cogitados em retornar na série, mas as ideias acabaram sendo descartadas. Entre elas, havia o plano de trazer Billy Coen, de Resident Evil Zero, de volta, mas o personagem não encaixava no roteiro. Particularmente, falando sobre o Billy, ele por si só voltar já não faz sentido, já que, se ele voltar, ele vai ser obrigado a pagar sua sentença de morte. Neste caso, o melhor que Billy faz é ficar bem escondidinho em algum lugar.

Confira nossa análise SEM spoilers de “No Escuro Absoluto”
→ Confira nossa análise COM spoilers de “No Escuro Absoluto”

Agora o detalhe que deixou muita gente frustrada: Kobayashi deixou bem claro que Leon já era confirmado desde o começo, ok. Mas ele queria que Leon aparecesse ao lado de uma personagem feminina, e por isso Claire foi a escolhida. A frustração dos fãs vem do sumiço de Jill Valentine, que, cronologicamente, não aparece na história da série desde 2009. Ou seja, a sua última aparição foi nos eventos de Resident Evil 5, e desde então ela não deu mais as caras.

Continuando, Kobayashi disse que escolheram o ano de 2006 para os eventos da série para ter um intervalo entre 1998, quando Leon era um policial novato, e 2014, a última aparição dele em Resident Evil: Vendetta (A Vingança). Ele ainda revelou que a série se passa um pouco antes de Jill e Chris Redfield se infiltrarem na mansão de Ozwell E. Spencer na Europa, quando o encontram morto por Albert Wesker. O Resident Evil Database agradece por estes detalhes, para ficar mais fácil de atualizar nossa Linha do Tempo!

E agora uma parte ridícula da entrevista: de acordo com Kobayashi, esta série é “a primeira vez que podemos ouvir Leon falando sobre sua experiência em Raccoon City”. Kobayashi, querido, o Leon fala de Raccoon City EM TODA OPORTUNIDADE QUE TEM! Ele falou com Jack Krauser em Resident Evil: The Darkside Chronicles, em 2002, falou com Luis Sera, em Resident Evil 4, então não foi a primeira vez, até porque foi um evento muito marcante na vida dele.

Ele ainda admite que Leon e Claire não tem muitas interações durante os eventos da série, que acabam trabalhando separadamente, e que só se encontram quando acabam indo parar no mesmo lugar. De acordo com ele, isso de se encontrar só no final é algo comum dos jogos. Pra fechar, Kobayashi também afirma que a série consiste de 4 episódios de 25 minutos, que é aproximadamente a duração de um filme, mas que a abertura muda de um episódio para o outro, então ele espera que a gente não pule.

COMPARTILHAR